“Foi a decisão mais acertada que tomamos”, diz presidente do ADURN-Sindicato sobre a inclusão do docente aposentado no Movimento Sindical

Publicado em 17 de outubro de 2018 às 10h12min

Tag(s): Aposentados EPA



Promovido pelo ADURN-Sindicato, o Encontro de Professores Aposentados da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) chegou a sua 9ª edição nesta terça-feira, 16 de outubro, com ampla participação dos docentes. Realizado no auditório do Centro de Educação da UFRN, o evento contou com a participação de cerca de 80 professores aposentados.

Como já é tradicional, os professores iniciaram o dia com um farto café da manhã de boas-vindas, em seguida os presentes tiveram a oportunidade de discutir assuntos relacionados à reestruturação de carreira e tiraram suas dúvidas acerca das ações jurídicas que estão sendo encaminhadas pelo sindicato.

Presente ao Encontro, a reitora da UFRN, professora Ângela Paiva Cruz, parabenizou a atuação permanente dos docentes aposentados na vida do Sindicato e fez um convite para os colegas colaborarem ainda com trabalho e projetos na Instituição que visem o desenvolvimento sustentável do ponto de vista econômico, social e da sustentabilidade.

A Pró-reitora de Gestão de Pessoas da UFRN, Mirian Dantas, reforçou a importância da contribuição dos docentes aposentados na participação das discussões e fortalecimento do Sindicato, das suas representações.

Ao ressaltar o esforço do Sindicato em trazer o professor aposentado para a vida da entidade, o diretor do ADURN, José Maxwell, historiou as atividades desenvolvidas pela comissão de aposentadoria ao longo do ano e que teve início em 24 de janeiro, com a comemoração do Dia do Aposentado, passando pela atuação nas questões jurídicas, a realização das aulas-passeio e o próprio EPA.

O presidente do ADURN-Sindicato, Wellington Duarte, ressaltou o esforço das diretorias que passaram pela entidade nos últimos nove anos em trazer o professor aposentado para o Movimento Sindical, “foi uma decisão acertada”, disse.

“A criação de uma diretoria para assuntos de aposentadoria e de uma comissão específica de apoio a esse diretor é inédito, isso só existia no ADURN-Sindicato, posteriormente os demais sindicatos acataram a ideia e, inclusive a nossa Federação que hoje tem um Grupo de Trabalho voltado para esse segmento”, afirmou Wellington Duarte.

O dirigente destacou que o sindicato é pautado pelo respeito a pluralidade e a divergência de opinião e que essa premissa fortaleceu o aposentado dentro do sindicato.

Durante sua exposição, Wellington Duarte, ainda falou sobre a política de convênios que está sendo implementada pelo sindicato desde 2016 e que hoje já conta com a parceria de mais de 20 empresas dos mais variados segmentos. “Promover qualidade de vida para os seus sindicalizados também é papel do sindicato”, disse o presidente.

Homenagens

Como já é tradicional, o evento contou com um momento de reconhecimento aos docentes que contribuíram no processo de construção dos saberes profissionais da UFRN. Este ano 5 docentes foram homenageados com a entrega de troféus e a leitura de suas trajetórias acadêmicas.

Foram homenageados os professores, Maria das Dores de Medeiros, Tarcísio Gurgel dos Santos, Arnon Alberto Mascarenhas de Andrade, Liacir dos Santos Lucena, e José Maxwell Albuquerque.

Confira abaixo os currículos dos docentes homenageados nesta edição:

 

Arnon Alberto Mascarenhas de Andrade é graduado em Pedagogia pela UFBA, especialista em Produção de TV para Educação pelo INPE/SP, mestre em Tecnologia Educacional pelo INPE/SJC/SP e doutor em Ciências da Educação pela Universidade de Caen França. Ingressou como docente da UFRN em 1976.

Foi coordenador do Sistema de Teleducação do Rio Grande do Norte-SITE/RN, coordenador do Programa de Pós-graduação em Educação da UFRN, coordenador do Centro de Planejamento e Produção Pedagógica do Instituto de Radiodifusão Educativa do Estado da Bahia (IRDEB), presidente do  Conselho de Programação das Emissoras Públicas Brasileiras do Sistema Nacional de Radiodifusão Educativa (SINRED), diretor da Televisão Educativa da Bahia (TVE), membro do Comitê Assessor de Informática e Educação da CAPES, membro do Comitê Assessor do Subprograma de Educação para a Ciência do CNPq/CAPES, coordenador do Programa de Pós-graduação em Educação, pró-reitor de extensão universitária da UFRN, presidente do Fórum Nacional de pró-reitores de extensão universitária e chefe do Departamento de Educação do Centro de Ciências Sociais Aplicadas da UFRN.

 

José Maxwell de Albuquerque é graduado em Educação Física e especialista em Ciência do Desporto e Administração Esportiva.

Foi coordenador do Curso de Educação Física e sub-chefe do Departamento de Educaçao Física da UFRN. Além disso, foi membro do Consuni, Consepe e Consade, diretor da Divisão de Atividade Esportiva e membro da Comissão de Políticas Públicas para Educação Física.

 

Liacir dos Santos Lucena é graduado em Engenharia Civil pela primeira turma da UFRN e ingressou como professor titular em 1965.

Foi pró-reitor de pesquisa e pós-graduação e chefe do Departamento de Física Teórica e Experimental da UFRN.

Participou da criação do Instituto de Física e do primeiro projeto de extensão desenvolvido na UFRN.

Atualmente é membro da Ordem Nacional do Mérito Científico.

Aposentou-se compulsoriamente aos 70 anos, porém segue lecionando até hoje, tendo mais de 50 anos de trabalho prestado à sociedade.

 

Maria das dores de Medeiros é graduada em História e ingressou no Centro de Ensino Superior do Seridó (na época, Núcleo avançado de Caicó-NAC) em agosto de 1977.

O professor Dirceu Ribeiro recebeu a homenagem, representando a professora Maria das Dores

O professor Dirceu Ribeiro recebeu a homenagem, representando a professora Maria das Dores

 

Foi coordenadora e vice coordenadora do curso de História, chefe do Departamento de Formação Básica e vice-diretora do CERES.

Participou das discussões para a implementação de uma política de interiorização elaborada pela Pró-reitoria Acadêmica, que resultou na consolidação do CERES, em 1995.

Ministrou cursos de capacitação para professores da Rede Pública de Ensino Estadual e Municipal e proferiu palestras e seminários em jornadas culturais.

Recebeu menções honrosas conferidas pela Associação Nacional dos Professores de História – Núcleo do Rio Grande do Norte, pela Pró-Reitoria de Pesquisa da UFRN, e comenda Vila do Príncipe concedida pela Câmara Municipal de Caicó.

 

Tarcísio Gurgel é graduado em Comunicação Social pela UFRN, mestre em Literatura Brasileira pela PUC-Rio e Doutor em Ciências da Linguagem pela UFRN.

Dirigiu e apresentou o programa “Memória Viva” da TVU/UFRN durante mais de uma década.

Publicou entre outros os seguintes livros: “Os de Macatuba”, “Informação da Literatura Potiguar”, “Belle Époque na Esquina”, “Inventário do Possível”, e é autor dos fascículos: “Os Mossoroenses”, “Os Seridoenses” e “Os Desportistas”, do Jornal Diário de Natal.

Escreveu roteiros teatrais que foram encenados na cidade de Parnamirim, Natal e Mossoró, incluindo o famoso espetáculo “Chuva de Bala no País de Mossoró”.

 

Veja mais fotos do evento AQUI

 

ADURN Sindicato
84 3211 9236 • secretaria@adurn.org.br