Meta de Dilma de mais de 6 mil creches até 2014 depende de prefeitos, diz Mercadante

Publicado em 08 de fevereiro de 2012 às 10h57min

Tag(s): Educação Infantil



O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, disse nesta terça-feira (7) que a meta da presidente Dilma Rousseff de construir mais de 6 mil creches até o fim de 2014, firmada ainda durante a campanha eleitoral de 2010, depende de que os prefeitos que façam as obras necessárias.
Mercadante afirmou que os prefeitos terão recursos para construir creches, mas evitou se comprometer com o cumprimento da meta até 2014. De acordo com ele, o governo federal vai também desenvolver os métodos construtivos que acelerem obras e disponibilizá-los para as cidades.
“Hoje estão levando dois anos para construir e temos tecnologia para irmos mais rápido com essa prioridade”, disse o ministro. “Quando olhamos para a escola de 4 e 5 anos, 20% dos estudantes estão fora. A pré-escola é importante no processo de formação e precisamos acelerar isso.”
Desde o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o MEC tem tido dificuldades para cumprir as metas de construção de creches e pré-escolas, por meio do programa Proinfância.
Alfabetização na idade certa
O ministro falou também sobre o programa de alfabetização na idade certa, que ele anunciou durante o discurso de posse, no mês passado.
“A idade da alfabetização é de seis a oito anos. As crianças têm que ter as melhores salas de aula, os melhores horários, material didático estruturado e os melhores professores. Se o aluno sabe ler e escrever nessa idade e domina as primeiras pontas da educação, vai progredir”, afirmou.

UOL Educação

ADURN Sindicato
84 3211 9236 • secretaria@adurn.org.br