ADURN-Sindicato lamenta a morte de Mailde Galvão

Publicado em 29 de abril de 2013 às 10h27min

Tag(s): Nota de pesar



É com grande pesar que o ADURN-Sindicato recebe a notícia do falecimento da escritora e ex-diretora de documentação e cultura da secretaria de Educação, na gestão de Djalma Marinho à época do Golpe Militar de 1964, Mailde Ferreira Pinto Galvão.
Neste momento de grande consternação, a Diretoria do Sindicato solidariza-se com a dor dos familiares e amigos da escritora, desejando que todos encontrem conforto nessa hora de grande dor e saudade.
Mailde Galvão deixa o exemplo de perseverança diante das adversidades da vida e da luta, além de um elevado senso de responsabilidade frente às atividades colocadas sob sua responsabilidade.
Seu exemplo está inscrito entre aqueles que dedicaram o melhor de sua vida à luta pela transformação social.
Mailde Galvão
Mailde foi diretora de Documentação e Cultura da secretaria de Educação da Prefeitura de Natal na gestão de Djalma Maranhão. Em 1994, publicou o livro “1964: aconteceu em abril”, no qual conta os momentos de terror que viveu durante a Ditadura Militar. Atuou na criação e implantação das chamadas bibliotecas populares e teve importante atuação no processo de leitura e alfabetização, na década de 1960, através da campanha ‘De pé no chão também se aprende a ler”.
Mailde, 88 anos, morreu na noite da sexta-feira após complicações durante uma cirurgia em um hospital da capital.
 

ADURN Sindicato
84 3211 9236 • secretaria@adurn.org.br