AbraSUS comunica a luta de resistência em defesa do acesso público à Educação e à Saúde

Publicado em 12 de junho de 2019 às 09h25min

Tag(s): Mobilização



Em ato simbólico, sociedade potiguar realiza “abraSUS” ao Hospital Universitário Onofre Lopes. A ação aconteceu no início da tarde desta terça-feira, 11, e marcou a abertura da 9ª Conferência Estadual de Saúde, etapa preparatória para 16ª Conferência Nacional, que este ano traz de volta ao debate a defesa da democracia no país.

Frente ao cenário de desmonte do setor público, privatização do SUS, limitação de investimentos do Governo Federal para as despesas primárias com a Saúde e a Educação e venda de recursos estratégicos do país, ativistas da área da saúde, professores, alunos e servidores da UFRN ligados à área da saúde dialogaram com a sociedade potiguar sobre os impactos destas medidas de austeridade nas atividades fins da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, para o Estado e para a população usuária do SUS.

Para a conselheira nacional de saúde pela Associação Brasileira de Enfermagem, a professora Francisca Valda da Silva, “a realização deste Ato Político comunica a luta de resistência da educação e da saúde, com o objetivo de denunciar a agenda de austeridade fiscal ultraliberal desta quadra da história, que prioriza a economia sobre tudo, inclusive sobre a vida”.

Fotos: Rebeca Souza

ADURN Sindicato
84 99112-8841 • secretaria@adurn.org.br