Bloqueio de R$ 1 bilhão no MEC reduz verba para reformar escolas e para realizar o Enem

Publicado em 24 de junho de 2022 às 15h23min

Tag(s): Cortes na Educação MEC



Pastores evangélicos no MEC
Ministério da Educação / Reprodução

 

Com R$ 1 bilhão bloqueados pelo governo federal, o Ministério da Educação viu ser reduzida a verba destinada para investimentos em infraestrutura escolar. O grupo Todos Pela Educação denunciou o caso em nota divulgada nesta quinta-feira (24), apontando também uma redução relevante do orçamento autorizado para a realização do Enem 2022.

“A ação de apoio à infraestrutura da Educação Básica foi a mais proporcionalmente comprometida. Essa ação, gerida pelo FNDE, dá apoio técnico e financeiro para estados e municípios no que diz respeito a construções, ampliações e reformas de escolas, além da aquisição de equipamentos e mobiliário”, diz o texto.

Dos R$ 3,6 bi bloqueados, metade foi cortada do Ensino Superior e 28% da Educação Básica, enquanto Educação Profissional e Administração e Encargos perderam 11% cada.

A Educação Básica sofreu um bloqueio de pouco mais de R$ 1 bilhão, sendo que 80% incidiram sobre as despesas discricionárias da área (R$ 817 milhões) e 20% incidiram sobre as emendas de relator (R$ 200 milhões).

Fonte: Diário do Centro do Mundo

ADURN Sindicato
84 3211 9236 • secretaria@adurn.org.br