UFRN cria ferramenta para concentrar dados da educação básica no Estado

Publicado em 24 de janeiro de 2023 às 10h31min

Tag(s): Educação básica UFRN



 

Com o objetivo de ajudar gestores e identificar a situação do Ensino Básico no Rio Grande do Norte, professores da UFRN desenvolveram o Indica Edu RN, uma ferramenta interativa que organiza e exibe dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) e da Prova Brasil por meio de mapas interativos. O projeto foi desenvolvido pelos professores Marcus Nunes, coordenador do Laboratório de Estatística Aplicada (LEA/DEST/UFRN), Carla Almeida Vivacqua, do Departamento de Estatística (DEST/UFRN), e Sandra Cristina Gomes, do Instituto de Políticas Públicas (DPP/UFRN).

O financiamento do projeto foi feito graças a um edital promovido pela Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional (USAID), órgão do governo norte-americano responsável por selecionar projetos de pesquisa e desenvolvimento ao redor do mundo que transformam dados em ações concretas para melhorias sociais. Para criar o aplicativo, os pesquisadores escolheram trabalhar com a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime). Assim nasceu o Indica Edu RN, um painel de informações métricas e indicadores visuais que exibe dados relacionados à educação básica no estado. Além de acompanhar o desempenho das cidades, os gestores da educação podem observar os efeitos das Diretorias Regionais de Educação e Cultura (Direc) em relação às diretrizes estabelecidas pelo Governo Federal.

Hospedada em um servidor da UFRN, a ferramenta pode ser acessada em um site próprio e conta com diversas aplicações estatísticas, como análise de matrículas na Educação Básica, perfil socioeconômico dos estudantes, informações da Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA) e o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Todos os dados são dos 167 municípios do estado, com opção de filtros e comparativos.

“Qualquer pessoa, em qualquer lugar do mundo, tem acesso ao Indica Edu RN. Basta possuir um dispositivo conectado à internet”, explica o professor Marcus Nunes.

 

O Indica Edu RN facilita a análise dos resultados das políticas públicas de educação no RN, trazendo um impacto social significativo ao colocar as estatísticas em prática para o bem social. Com o uso do aplicativo, os responsáveis pela educação do estado podem implementar novos projetos baseados nos indicadores e elevar os resultados.

“Esperamos que os gestores possam avaliar de forma fácil, adequada e transparente como está a situação histórica da educação nos municípios do estado”, afirma o professor.

Desenvolvido por uma equipe multidisciplinar, o aplicativo conta com os três professores coordenadores para definir sua visão e objetivo. Além disso, o trabalho contou com a colaboração dos alunos Carla de Moraes Apolinário e Wesley Almeida Cruz, ambos do Programa de Pós-graduação em Matemática Aplicada e Estatística (PPgMAE), e Eloisandro Soares da Costa e Flávia Freire de Oliveira, do Programa de Pós-graduação em Estudos Urbanos e Regionais (PPEUR). Os mestrandos foram responsáveis pela programação do painel e a coleta e organização dos dados, assim como pela produção de pesquisas de opinião com o público-alvo a fim de avaliar a recepção da ferramenta e coletar ideias para sua melhoria.

 



A principal motivação para o desenvolvimento do projeto foi a importância do trabalho administrativo da educação e a notória limitação para analisar dados de ensino. A ferramenta une a experiência dos dirigentes com a ciência de dados para gerar um produto interessante para a sociedade.

“Os gestores podem confirmar, com base na realidade, se aquilo que suas experiências lhes diz encontra respaldo no mundo real”, declara o professor Marcus, “Os próprios cidadãos agora possuem mais uma ferramenta a seu dispor para verificar a situação da educação em seus municípios”.

Como um aplicativo Open Source, o código-fonte ficará disponível para qualquer um que deseje verificá-lo ou utilizá-lo como base para criação de outros projetos, seja para outros estados ou até algo a nível nacional. Além disso, o site disponibiliza um formulário para que gestores e o público geral possam oferecer sugestões de melhorias e funcionalidades.

 



Futuramente, a equipe pretende atualizar a ferramenta sempre que novos dados do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb) e do Ideb forem disponibilizadas pelo Inep. Assim, os dirigentes e a população poderão acompanhar a evolução dos municípios, avaliando os resultados das políticas públicas. “O aplicativo ainda não foi lançado oficialmente, mas as pesquisas de opinião que temos feito nos demonstram que ele tem sido bem recebido pelos gestores da área da educação”, informa o coordenador Marcus Nunes.

 

Fonte: Saiba Mais 

ADURN Sindicato
84 3211 9236 • secretaria@adurn.org.br