Uma vida dedicada ao estudo da Educação

Uma vida dedicada ao estudo da Educação

Entrevista em 19 de julho de 2010

Marlúcia Menezes de Paiva é graduada em Pedagogia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte – UFRN (1969), onde também cursou a habilitação em Orientação Educacional (1974). Ainda na mesma Universidade, cursou seu Mestrado (1982) através Programa de Pós-Graduação em Educação - PPGEd, com a linha de estudo ‘Tecnologia Educacional’.
Na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC/SP, desenvolveu sua tese de Doutorado (1992) intitulada ‘Movimento de Natal’, seguindo a linha ‘Filosofia e História da Educação’; na Ecóle des Hautes Études en Sciences Sociales, em Paris, junto com a Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ, alcançou o título de Pós-Doutora com o trabalho na área de ‘História da Educação’.
Em 1979, Marlúcia Menezes passou a compor o quadro de docentes do Departamento de Educação da UFRN à frente da disciplina ‘Sociologia da Educação’. Em 1996, a professora aposentou-se e, algum tempo depois, reingressou na Universidade locada no mesmo Departamento, desta vez para ministrar a disciplina ‘História da Educação’.
Na academia, a professora já assumiu o cargo de chefe de departamento e participou do Conselho de Representantes da ADURN. Atualmente, é Coordenadora do PPGEd da Universidade, Coordenadora Norte-Nordeste do Fórum Nacional de Coordenadores de Pós-Graduações em Educação – FORPRED e a responsável pela disciplina de graduação ‘Fundamentos Histórico Filosóficos da Educação’ e pelos ‘Seminários e Ateliês de Pesquisas’ na Pós-Graduação em Educação.
No âmbito da pesquisa, Marlúcia Menezes desenvolveu um trabalho a cerca das ‘Escolas Radiofônicas de Natal’ que culminou em um livro também com este título. Nesse projeto, atuaram o PPGEd da UFRN e sujeitos ligados diretamente às Escolas Radiofônicas analisadas. De acordo com a pesquisadora, “tratou-se de um trabalho relevante de reconstituição histórica, já que, por meio deste, pudemos conhecer mais sobre a alfabetização através do rádio feita pelas ações das igrejas católicas da época”.
Ainda na pesquisa, a professora participa de um trabalho, através do PPGEd e financiado pelo CNPq, que trata da ‘Institucionalização da Escola Primária com a República’. Segundo Marlúcia Menezes “estrutura-se em uma pesquisa nacional, coordenada por Rosa Fátima, da UNESP- Araraquara, que, localmente, analisa a modernização das Escolas do RN”.
 


Mais entrevistas
ADURN Sindicato
84 3211 9236 • secretaria@adurn.org.br