MP que inviabiliza a existência dos sindicatos pauta discussão do Conselho de Representantes do ADURN-Sindicato

Publicado em 15 de março de 2019 às 18h43min

Tag(s): Conselho de Representantes MP 873



A discussão a respeito dos impactos da Medida Provisória (MP) 873, que modifica a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) em dispositivos relativos ao financiamento sindical, foi o principal ponto de pauta da reunião do Conselho de Representantes do ADURN-Sindicato, realizada na tarde desta quinta-feira (14).

Se mantida, a MP editada pelo presidente da República às vésperas do carnaval, representa afronta à liberdade de associação, à autonomia sindical e ao Estado Democrático de Direito, dificultando o recolhimento das contribuições destinadas ao custeio dos sindicatos e, portanto, inviabilizando a existência dessas entidades.

Na ocasião, o presidente do ADURN-Sindicato, Wellington Duarte, expôs a preocupação da diretoria no que se refere ao custeio da entidade, diante da suspensão do desconto da contribuição sindical voluntária por meio de consignação, imposta pela MP.

Nesse sentido, o presidente colocou em debate as medidas preventivas, para que se possa manter a estrutura da entidade sem prejuízo pelo máximo de tempo possível. Após uma ampla discussão, os conselheiros concordaram com a suspensão provisória das parcerias mantidas pelo sindicato e das festas junina e em comemoração aos 40 anos da entidade, que aconteceriam nos meses de junho e agosto, respectivamente.

Além da MP, também esteve em pauta os encaminhamentos no que se refere ao enfrentamento à Reforma da Previdência. Entre as ações previstas estão a participação do ADURN-Sindicato no ato do próximo dia 22 de março, a realização de reuniões nos centros acadêmicos para esclarecer os docentes sobre as mudanças previstas pela Reforma e o envio de ofícios aos parlamentares e prefeitos com o objetivo de sensibiliza-los em defesa da Previdência.

Na oportunidade os conselheiros ainda fizeram uma avaliação acerca da décima edição do projeto Na Trilha da Democracia, realizada na última quarta-feira (13), que trouxe como palestrante o escritor e teólogo, Leonardo Boff, e reuniu mais de mil pessoas na reitoria da UFRN.

ADURN Sindicato
84 99112-8841 • secretaria@adurn.org.br